quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Rosalba consegue recuperar mais de R$ 33 milhões

O município de Mossoró deveria estar com cerca de 85% de saneamento básico. E 166 ruas também poderiam estar com calçamento e outras 6 asfaltadas. Os recursos já estavam assegurados pelo Ministério das Cidades e a gestão anterior, além de não prestar contas do pouco que havia feito - 15% aproximadamente, não executou o projeto.

“No final do ano passado, a gestão ficou de vir ao Ministério e não compareceu. Agora vai ser necessária uma reprogramação”, recomendou o Diretor de Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades, Clever Ubiratan Teixeira de Almeida, adiantando que a Prefeitura de Mossoró deve se reunir com a Caixa Econômica para conhecer o regramento do programa. “Se precisar de alguma autorização estaremos à disposição”, assegurou o diretor à prefeita Rosalba Ciarlini, em audiência na manhã desta quinta-feira, 09.

Acompanhada do deputado federal Beto Rosado e da secretária de Infraestrutura, Kátia Pinto, a prefeita Rosalba Ciarlini também foi recebida pelo secretário nacional de Saneamento Ambiental, Alceu Segamarchi Júnior, a quem pediu uma atenção especial para os projetos de Mossoró que também estavam parados.

Segundo a secretária Kátia Pinto, o município tem dois contratos de repasses com a CEF: um para saneamento - segunda etapa da Bacia 2 ( bairros Redenção, parte do Santa Delmira, Integração, Estrada da Raiz e Santa Helena), complementando o saneamento integrado e outro é projeto executivo da Bacia 8 que compreende Quixabeirinha, Ouro Negro, Bom Pastor, Aeroporto e adjacências. “Na questão urbanística e de Infraestutura, a prefeita Rosalba manda planejarmos a cidade para os próximos 20 anos e saneamento é uma das prioridades. Temos que ter projetos prontos para almejarmos 100% de cobertura do saneamento básico”, destacou.

Com a ida ao Ministério das Cidades, a prefeita Rosalba Ciarlini conseguiu recuperar mais de R$ 33 mil para saneamento e pavimentação de ruas,  uma vez que os contratos estavam prestes a ser cancelados.


Nenhum comentário: