quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Secretária de Educação busca solução para filas em escolas

Redes armadas, cadeiras e um acampamento no pátio da escola. Esta era a situação dos pais de alunos interessados em matrículas para este ano na Escola Municipal Joaquim Felício de Moura, no bairro Santo Antônio. A situação se estendia desde o final de semana passado até as fichas serem distribuídas na tarde de ontem pela nova secretária de Educação, Magali Delfino.

Ao todo foram distribuídas 52 fichas, para as matrículas dos alunos novatos que serão realizadas amanhã, como já estava no calendário letivo do município.

Magali Delfino já considera resolvido o problema da escola, visto que as fichas já foram entregues. “Para 1º, 8º e 9º anos, sobraram fichas. Para as demais turmas, algumas completaram e outras faltaram, mas estes que faltaram já estão em uma lista de espera”, destacou.

Os pais, após solucionarem o problema, se diziam satisfeitos com possibilidade da matrícula realizada. “Consegui uma ficha para matricular meu filho. Faço questão dessa escola por ser próxima à minha residência. Meu filho vai fazer o primeiro ano e eu preferiria que fosse direcionado já da UEI para escola, fica a sugestão para o novo governo”, disse Railya Evinir.

A dona de casa Natacha Dantas aguardava na escola desde o último final de semana uma oportunidade de vaga para o filho que vai estudar o sexto ano. “Estou satisfeita por ter conseguido. O diretor da escola abriu os portões para que entrássemos enquanto aguardávamos as fichas. Foi melhor esperar dentro da escola”, afirmou.

A Escola Municipal Joaquim Felício de Moura possui ao todo vagas para 280 alunos, do 1º ao 9º ano, nos turnos matutino e vespertino.

Fonte: Secom/PMM

Nenhum comentário: