segunda-feira, 17 de outubro de 2016

UBS está fechada por falta de segurança

Populares que procuraram a Unidade Básica de Saúde Ildone Cavalcanti de Freitas, no bairro Barrocas, na manhã desta segunda-feira, 17, se depararam com a unidade fechada.

O senhor Francisco Antônio Filho relatou a reportagem do  DE FATO.COM que esteve na UBS nesta manhã, mas que não foi atendido. Segundo ele, os funcionários disseram que não atenderiam hoje devido a falta de guardas municipais.

“Eu estive lá de manhã e me disseram que não iam atender devido a falta de segurança. Não tem mais guarda municipal lá e por isso eles não vão atender. Eu preciso tomar remédio porque tenho pressão alta e sofro de diabetes”, disse Francisco Antônio.

A reportagem esteve na UBS Ildone Cavalcanti, por volta das 9h30, e constatou a unidade fechada. Outras duas pessoas estiveram no local atrás de atendimento médico, mas tiveram de procurar outra UBS.

Uma delas que procurou o posto de saúde nesta manhã foi Manoel Nezim. Ele informou ao DE FATO.COM que teria de tomar a última vacina contra o tétano. Entretanto, disse que procuraria outra UBS, pois deveria ter tomado o medicamento desde a última sexta-feira, 14.

“Eu estou aqui para tomar a última vacina contra o tétano. Era para eu ter tomado na sexta-feira passada, mas não consegui. Vim hoje aqui e está fechada”.

Leonardo Batista esteve com a esposa grávida também na UBS do bairro Barrocas e teve de procurar outro lugar para solicitar a licença-maternidade de sua companheira. O jovem relatou que esteve na manhã de hoje no local, mas os servidores informaram a ele que não haveria atendimento por falta de segurança.

“Eles (servidores) fecharam os portões por volta de seis e meia. Disseram que não iam atender por falta de segurança. Muitas pessoas saíram daqui (se referindo a UBS) revoltadas. Semana passada minha esposa esteve aqui procurando atendimento, mas não foi atendida”.

A reportagem tentou contato com a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Saúde, mas até o fechamento desta matéria não havia retornado as ligações.

Fonte: www.defato.com


Nenhum comentário: