quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Serviço de Verificação de Óbito é apresentado

O novo Serviço de Verificação de Óbito (SVO) 24h foi apresentado à rede hospitalar de Mossoró na manhã desta quinta-feira, 10. O encontro aconteceu no auditório da Faculdade de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e reuniu gestores e representantes de instituições de saúde de toda a cidade.

Durante a apresentação, o diretor do SVO, Cléber Viana, explicou as vantagens que o novo serviço trará para a saúde pública de Mossoró e outros 80 municípios beneficiados com o órgão. “A principal finalidade é o de investigar causas de mortes tidas como naturais ou desconhecidas. Isso possibilitará que o município invista, a partir das investigações, em ações preventivas às doenças. Além disso, o SVO 24h também servirá de campo de estágio e de ministração de aula para alunos e professores das universidades”, apontou.

O novo serviço é uma parceria entre a Prefeitura de Mossoró a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e o governo federal. A universidade cedeu o espaço, o Município arcará com a folha de pagamento dos funcionários e o governo federal repassará um valor de R$ 40 mil mensal para manutenção do órgão. O SVO contará com médicos patologistas, técnicos de necropsia, histopatologista, assistente social e agentes do administrativo.

Ainda segundo a direção do serviço, a falta de um SVO dificulta a obtenção de informações sobre doenças e causas de mortes na região. “Atualmente, o número de causas de mortes mal definidas diminuiu nos últimos três anos, em virtude do trabalho desenvolvido pela Vigilância Epidemiológica. Apesar desta diminuição, este número está acima do estabelecido pelo Ministério da Saúde”, explicou Cleber Viana.

Atualmente, Mossoró possui uma taxa de 17,95% de causas de mortes desconhecidas. O Ministério da Saúde preconiza que o município possua uma taxa de, no máximo, 5% de causas mortis desconhecidas. “Com a chegada do SVO, possibilitaremos a redução destes números, uma vez que este serviço é oferecido pelo Estado somente em Natal. Este será o primeiro SVO municipal do RN”, frisou a secretária adjunta de Saúde do município, Silvana Escócia.

Fonte: PMM 

Nenhum comentário: