quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Cultura silencia sobre acusações de Carlinhos Ferdebez

A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Cultura afirmou ao blog ainda a pouco que a titular da pasta, Isolda Dantas, não vai se pronunciar sobre acusações feitas pelo empresário Carlinhos Ferdebez, que ganhou licitação para realizar o Mossoró Cidade Junina deste ano. Em um primeiro áudio, veiculado no blog do jornalista Bruno Barreto (ouça aqui), Ferdebez afirma que as planilhas do evento foram superfaturadas.

Mas a afirmação mais grave, segundo conversa que teria acontecido entre Ferdebez com o secretário municipal da Fazenda, Jerônimo Rosado, o empresário afirma que desarticulou uma quadrilha e acusou a secretária Isolda Dantas de ter "rasgado" o edital do evento. (ouça aqui).

No terceiro áudio, o proprietário da empresa Ferdebez Produções e Eventos afirma que teria havido dimensionamento de valores para atender especificidades da diretora do espetáculo "Chuva de Bala no País de Mossoró", Diana Fontes. (ouça aqui).

Diante de tanta denúncia, o blog conversou com a assessoria de imprensa de Isolda Dantas e foi informado que ela não iria comentar as declarações do empresário. A única informação passada pela assessoria foi de que a secretária de Cultura já teria acionado seus advogados, os quais estão analisando os áudios e, certamente, devem ingressar com ação judicial contra Carlinhos Ferdebez.

O certo é que, apesar das denúncias, apesar de se ter o envolvimento de verba pública gasta em evento que está sendo acusado de ter trabalhado com tabelas superfaturadas, a Secretaria de Cultura não desmentiu nem confirmou as afirmações feitas por Carlinhos Ferdebez.

Nenhum comentário: