quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Professores da UERN aunciam indicativo de greve

Os docentes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte decidiram, na última quarta-feira, em Assembleia extraordinária o indicativo de greve para o segundo semestre de 2014, quando se reúnem em nova assembleia em 18 de Setembro para avaliar o processo de negociação da campanha salarial. A decisão foi tomada após extenso debate com os docentes, que avaliaram a ação como fundamental para agilizar as negociações junto à Reitoria da universidade e o Governo do Estado.

A diretoria da Associação dos Docentes da Uern (Aduern) defendeu a proposta de indicativo de greve para a categoria e recebeu o apoio de outros professores presentes na oportunidade. De acordo com o sindicato, além de defender a campanha salarial dos professores, é hora também de lutar por melhorias na estrutura da Uern e nas condições de trabalho.

Desde o dia 29 de Maio de 2014 os docentes da Uern aprovaram e enviaram para a Reitoria uma série de propostas reivindicatórias que compõe a pauta da Campanha Salarial de 2014, mas até o presente momento não houve nenhuma contraproposta por parte do Governo do Estado.

Além dos docentes da instituição, esteve presente na assembleia a Presidente do Sindicato dos Técnicos da Uern (Sintauern), Rita de Cássia, que acompanhou de perto as discussões acerca da campanha salarial e do indicativo de greve. 


Fonte: Aduern

Nenhum comentário: