terça-feira, 13 de março de 2012

Sub-grupo governista inicia discussão em Grossos

O processo sucessório grossense já começou. De definitivo, apenas o fato do ex-prefeito João Dehon da Silva (PMDB) estar fora do processo. Ele tem condenação por parte do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e, por esse motivo, estaria impedido de entrar na disputa eleitoral deste ano.

Na noite da segunda-feira passada, 12, o grupo governista (?) se reuniu para definir o nome. O prefeito Veronilde Caetano (PSB) não participou e um outro encontro será realizado já para sair o candidato do grupo que se reuniu na casa do ex-chefe de Gabinete Mário Jácome.

A situação da política grossense é complicada. O que restou do grupo governista e que segue o prefeito estaria apostando no nome de Girlene, tesoureira do Executivo. Acontece que ela não tem densidade eleitoral para disputar a Prefeitura. No máximo, o que renderia era tentar chegar à Câmara Municipal.

A presença do atual presidente da Câmara Municipal grossense, Manoel Alexander de Paiva (PR), no encontro da segunda-feira, com o sub-grupo governista, levantou suspeitas: o presidente está ou não fechado com a postulação do ex-vereador Enilson Fernandes (DEM) ao Executivo? Pelo visto, Laíres (como é mais conhecido o atual presidente do Legislativo) tende a permanecer na base governista.


Nenhum comentário: