sexta-feira, 7 de outubro de 2011

`A última coisa que ela fará é sair do seu partido`

O presidente nacional do Democratas, senador José Agripino Maia, e mentor político da vereadora Cláudia Regina (DEM), tratou de colocar fim nas especulações de que ela sairia do DEM para outro partido a fim de consolidar o projeto de disputar a Prefeitura de Mossoró em 2012. Para Agripino, Cláudia terá apoio do partido para qualquer cargo que queira se submeter à avaliação das urnas. “Para ser candidata a qualquer coisa ela contará com o partido dela. A última coisa que ela fará é sair do seu partido”, afirmou. O senador também falou que não existe nenhuma conversa relacionada à sucessão da prefeita Fafá Rosado e disse que o tema será tratado pela governadora Rosalba Ciarlini, ex-deputado Carlos Augusto e pela própria prefeita.

Tem se especulado que a vereadora Cláudia Regina teria quer sair do DEM para se candidatar à Prefeitura de Mossoró. O senhor autorizará a saída dela?
JOSÉ AGRIPINO - Pergunta mais sem futuro. Cláudia Regina é um quadro do DEM, disciplinada e que nos orgulha muito. A última coisa que passaria pela cabeça dela era sair do Democratas para sair candidata. Para ser candidata a qualquer coisa, ela contará com o partido dela. A última coisa que ela fará é sair do seu partido.

QUAL a situação atual do DEM com relação à sucessão?
DE EXPECTATIVA, de ouvir a governadora Rosalba Ciarlini, que é grande líder em Mossoró, de ouvir o presidente do DEM Carlos Augusto, que é um homem hábil, competente e paciente, de ouvir os pleiteantes da função. Falta um ano, e por que iremos decidir o candidato agora? Não tem fundamento nem precisão disso. E não há razão para isso.

NÃO se tem nada conversado sobre a sucessão da prefeita Fafá Rosado?
NÃO. O que existem são naturais anseios e especulações. Mas não tem nada definido.

O DEM terá candidato a prefeito em todos os municípios?
CANDIDATO próprio ou candidato com aliança. O DEM sairá dessa eleição municipal maior do que é hoje. E no Brasil, bem maior do que está.

COMO o DEM fica com relação ao PSD?
ESSE é um assunto encerrado. Mantemos todos os nossos questionamentos e nossas dúvidas, mas se o TSE decidiu, está decidido.

É POSSÍVEL uma aliança com o PSD?
SERÁ decidido pela executiva nacional como uma postura no Brasil inteiro e será levado aos diretórios estaduais na composição das chapas nos municípios. É uma coisa a ser decidida mais na frente e em caráter nacional. O que será feito no Amapá será feito no Rio Grande do Norte. O que será feito no Rio Grande do Norte será feito no Rio Grande do Sul.

E COM relação à aliança com o PMDB? A parceria está fechada?
NÃO há nenhum questionamento a ser levado à executiva nacional com relação ao PMDB. Está fechada e consolidada.

Nenhum comentário: