terça-feira, 4 de outubro de 2011

Especulação pós-passagem de Rosalba em Mossoró

A passagem da governadora Rosalba Ciarlini em Mossoró, semana passada, deu sinais claros acerca do nome que disputará a Prefeitura de Mossoró em 2012. Não foi à toa que o Governo do Estado se instalou na Vice-Prefeitura. Tampouco o holofote que surgiu sobre a secretária de Infraestrutura do Estado, Kátia Pinto.

Na lista do "não foi à toa", o ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado ciceroneou o presidente nacional do Democratas, senador José Agripino Maia na quinta e sexta-feira passadas. Sinais dos tempos? Evidentemente que não. Os sinais são outros.

Sabe-se que no sábado houve uma reunião em determinado hotel da cidade e da qual José Agripino participou. O blog se reserva no direito de não nominar os demais presentes, mas adianta que o assunto foi o de sempre: a sucessão da prefeita Fafá Rosado (DEM).

Claro que a governadora Rosalba Ciarlini tem interesse em fazer da vice-prefeita Ruth Ciarlini a candidata natural à reeleição, mas esbarra na renúncia da prefeita Fafá Rosado. O que também é natural que não aconteça. E se vier, também não será algo inesperado.

O que se pode dizer é que todos os pré-candidatos governistas continuam no páreo. Mais chances para a vereadora Cláudia Regina (DEM). Ruth também não deve ser menosprezada ou escanteada. Tem igual percentual de Cláudia de vir a ser a escolhida.

Tudo depende, agora, de como os nomes postos vão se comportar até o veraneio, que é quando tudo se decide.

Em uma emissora de rádio local, José Agripino pôs panos frios na suposta ida de Cláudia Regina para o PSD. Ele afirmou que a vereadora terá apoio do Democratas para disputar "qualquer coisa" e que sair do DEM era a última coisa que passava pela cabeça de Cláudia.

Nenhum comentário: